terça-feira, 4 de abril de 2017

Kylie Minogue se recusou a censurar beijos gays

    A cantora australiana Kylie Minogue se recusou a censurar beijos gays em seu vídeo de "All The Lovers" e depois manteve em segredo para evitar escândalo.




    Kylie Minogue sempre foi um ícone da comunidade LGBT+, não por ser uma cantora pop, mas sim pelo que faz pelo grupo, principalmente em seu país, a Austrália, no ano passado, a cantora e seu então noivo criaram uma campanha para apoiar a adoção e igualdade no casamento e adiou seu casamento até que todos no país pudessem se casar.


    O diretor do vídeo "All The Lovers", Joseph Kahn, revelou um segredo bem guardado durante anos e que por alguns segundos de vídeo pode-se ver mais do que um casal do mesmo sexo se beijando, que parece ter molestado um país e pediu a cantora para remover essas cenas para fazer a promoção, mas Kylie recusou.



      Em 2010, quando o vídeo foi lançado Minogue disse que casais gays no vídeo, simplesmente mostrando uma situação demográfica e sensibilidade. Embora possa parecer que beijos são pouco hoje, 7 anos atrás era algo que muito poucos se atreviam a fazer.