sábado, 15 de abril de 2017

Luke Evans: "Ser gay não afeta o meu talento"

     Luke Evans acredita que sua sexualidade não deve ter nada a ver com sua carreira de ator.



  O ator galês encontrou fama em Hollywood depois de ser lançado em Clash of the Titans em 2010, no mesmo ano que ele fez sua estréia na tela grande na biografia de Ian Dury  Sex & Drugs & Rock & Roll.

   Luke sempre foi aberto com sua sexualidade, e ser gay aparentemente não lhe custou nenhum emprego - o que é exatamente o que deveria ser, diz o ator.

  "Essa pergunta é difícil de responder", disse ele à revista britânica The Jackal , quando perguntado se Hollywood pode lidar com a idéia de um herói de ação gay. "Eu não sei como Hollywood, como você chama, pensa. Eu não penso nisso. Eu não sinto que eles estão conectados. Talento, sucesso, o que você faz em sua vida pessoal - eu não vejo como um deve ter um efeito sobre o outro.

  "Eu não acho que eu estaria neste negócio se eu sentisse que eu não estava sendo empregado por causa de quem eu sou na minha vida pessoal."

  Sobre o assunto "vida pessoal", Luke de 37 anos planeja mantê-lo fora do centro das atenções, e  o astro de A Bela e a Fera credita a sua família por ajudá-lo a permanecer assim.

  "Não é por qualquer razão que não seja uma pista no título - vida pessoal é privado", ele deu de ombros. "Como ator você tem que manter algum tipo de enigma e mistério. Há uma dignidade em manter-se privado. Estou tentando manter um pouco de dignidade na minha vida privada e proteger as pessoas em minha vida.

  "Em minha família: Eles não fazem imprensa. Eles não fazem entrevistas. Eu não sou fotografado com eles. Embora todos saibam quem são minha mamã e paizinho nos ( Galês ) Vales . É a escolha que fiz.